Você pode escolher a felicidade hoje

Um tempo atrás, uma participante do Programa Escolha Sua Vida fez o seguinte relato:

“(…) ontem eu vivi um dia de sonho desplanejado. Ganhei uma bike de um amigo querido (hoje conto meus amigos nos dedos de uma só mão, mas isso vai mudar, tô ampliando os horizontes) estava decidindo se iria ou não buscar… com preguiça, em casa, mas chutei a preguiça e fui. (…) Caracoles que sensação de alegria deliciosa de correr de bike, de achar a cidade linda, de ver que tem guardas em todo meu trajeto pelo aterro… No final do dia pra fechar com chave de ouro minha irmã (que entrou no nosso grupo recentemente) me convidou pra ver o show da Tulipa Ruiz! Sabe quanto dinheiro gastei o dia todo? 2,75 da passagem até Copa, 4,00 em duas garrafinhas de água e 4,00 em um podrão depois do show (alimentação ainda é uma questão pra mim) e foi um dos dias mais felizes da minha vida. Eu tava presente em tudo. Começo a entender que a magia da parada é essa, enganar a preguiça e movimentar, a energia vem, como diz a Paula, é gerada.”

Você percebe como no Agora a gente tem muito pouco “problema”? O difícil mesmo é conseguir estar Presente o tempo todo, mas com o tempo os instantes vão virando minutos, depois horas, e depois dias. E aí chega a bem-aventurança.

Nesse dia de sonho, a minha coachee deixou por um dia de se alinhar com a escassez (“o dinheiro tá acabando/ o dinheiro já acabou/não tenho clareza/não sei/não tenho isso ou aquilo”).

Em vez disso, se alinhou com o que eu chamo de a “vibe correta”, a vibe do universo, que é de ABUNDÂNCIA: meu amigo tem tanto que pode me dar uma bike/eu tenho tanta saúde que posso pedalar do Centro à Copa, tenho pernas pra isso!/tenho liberdade de sobra/tenho amigos fodas e uma irmã que me ama, o amor é abundante na minha vida/ posso fazer muito com pouco dinheiro/ o dinheiro é apenas uma energia, mas não é a única capaz de fazer coisas boas acontecerem no meu dia – a energia do amor move muito mais coisas!

A situação financeira dela não mudou naquele momento (o relato dela começava com “o dinheiro já acabou”), mas ela se deu conta de que, no Agora, a falta de dinheiro NÃO era um problema. E não foi um problema por um dia inteiro, que foi um dos dias mais felizes da vida dela.

Essa foi uma lição MUITO poderosa.

Em que áreas da sua vida você está se alinhando com a escassez e tendo pensamentos do tipo “não tenho…”, “não posso…”, “me falta…”, “não consigo…”?

E em que áreas da sua vida você está deixando de observar o que tem, curtir e ser grato pela abundância?

A felicidade está disponível pra você Agora, basta você escolher vivê-la.

 

[INSCRIÇOES ABERTAS!] para a única turma do PESV de 2015.

Garanta já sua vaga em: http://bit.ly/diga-sim