Grande parte dos e-mails que eu recebo têm histórias de vida lindas, mas que estão contaminadas pelo medo e pela dor.

E se a nossa reação à dor e o nosso medo forem como aprendemos com nossos pais, nossos irmãos, nossos amigos, a sociedade, os filmes, as novelas, os livros?

E se a gente tivesse se esquecido de se perguntar se estamos mesmo sentindo dor e medo?

E se a dor e o medo não existissem?

O escritor Albert Espinosa, que lutou contra o câncer dos 14 aos 24 anos e perdeu uma perna, um pulmão, parte do fígado e da mobilidade antes de se curar, escreveu o seguinte:

“(…) compreendi que dor é uma palavra que não tem nenhum valor prático; igual ao medo. São palavras que assustam, que provocam dor e medo. Mas, na realidade, quando não existe a palavra, não existe a essência do que querem significar.”

Espinosa propõe que a dor não existe como palavra, como conceito. Em cada situação, devemos averiguar o que sentimos. Não em uma tentativa de fugirmos da dor, mas em uma atitude de prová-la, saboreá-la e decidir o que é que verdadeiramente sentimos.

Eis os passos para você descobrir o que é que está sentindo, propostos pelo autor:

1. Busque palavras quando pensar em “dor” ou “medo”. Busque cinco ou seis que possam definir o que você está sentindo, desde que nenhuma delas seja “dor” ou “medo”;

2. Quando tiver a sua lista, escolha qual é a palavra que define melhor o que você sente: essa é a sua dor ou o seu medo. Essa é a palavra que define o que você sente.

3. Troque a palavra “dor” ou “medo” pela sua nova palavra. Deixe de sentir dor ou medo e passe a sentir com toda força o novo sentimento que você descobriu.

Pode parecer complicado pra uns, simplista demais pra outros, mas proponho que você tente essa semana. Como diz Espinosa, a dor física, a dor do coração, na verdade escondem outras sensações, outros sentimentos.

E estes são superáveis.

***************

Na terça-feira passada, eu encerrei as inscrições para a turma nova do Programa Escolha Sua Vida.

Só que, logo depois disso, eu comecei a receber uma enxurrada de e-mails e mensagens inbox de pessoas que deixaram pra se inscrever no Programa na última hora e perderam o prazo por algum problema técnico no PayPal.

Como não teremos outra turma do PESV tão cedo, eu resolvi abrir uma exceção e reabrir as inscrições para o Programa Escolha Sua Vida a partir hoje até às 23:59h de amanhã, quarta-feira, 11/06/2014.

Você pode fazer a sua inscrição neste link aqui –>http://www.escolhasuavida.com.br/sp-pesv